Apesar de gastar R$ 32 mil numa dedetização, insetos continuam circulando no hospital de Soledade

Facebook