Vereador campinense que está preso faz novo pedido de licença

Policial

09/09/2019 às 14h21

Vereador campinense que está preso faz novo pedido de licença

ESTA MATÉRIA FOI VISTA 190 VEZES

O vereador mais votado de Campina Grande, Renan Maracajá (DC), preso em um presídio de João Pessoa, em decorrência da Operação Famintos, protocolou na Câmara Municipal, mais um pedido de licença, que foi aceito nesta segunda-feira (9).

 

Desta vez, Renan solicitou licença de 30 dias para tratar de assuntos pessoais, como se isso possível, haja vista que, trancafiado, ele não pode fazer muita coisa.

 

O parlamentar já havia feito um pedido de licença por 15 dias, cujo prazo se venceu na quinta-feira (5).

 

Ele é suspeito de integrar uma organização criminosa que se utilizava de empresas de fachadas para fraudar licitações que fornecia merenda escolar à Prefeitura de Campina Grande e de outras cidades.

 

O regimento da Câmara de Campina diz que um parlamentar poderá ficar afastado sem remuneração pelo prazo máximo de até 12o dias sem que haja a necessidade de se convocar o suplente.

 

Da redação

Comentários

Veja também

Facebook