Presidente da ALPB lamenta morte do jornalista Ricardo Boechat

Brasil

11/02/2019 às 21h47

Presidente da ALPB lamenta morte do jornalista Ricardo Boechat

ESTA MATÉRIA FOI VISTA 315 VEZES

JOÃO PESSOA - O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino (PSB), lamentou nesta segunda-feira (11) a morte do jornalista, Ricardo Boechat, vítima de um acidente de helicóptero no final da manhã, na rodovia Anhanguera, em São Paulo.
 

"O Brasil perde um grande jornalista, que em mais de 40 anos de carreira atuou nos principais jornais do Brasil e atualmente ancorava programas na rádio e na TV. Sempre com sua visão crítica, fez parte da rotina de milhões de pessoas diariamente. Em nome de todos os parlamentares e funcionários da Assembleia Legislativa da Paraíba, presto condolências aos familiares", destaca o parlamentar.

 

Carreira


Boechat iniciou sua carreira ainda na década de 1970, passando por jornais como “O Globo”, “O Estado de S. Paulo”, “Jornal do Brasil” e “O Dia”. 
 

Na década de 1990, teve uma coluna diária no “Bom Dia Brasil”, na TV Globo.

 

Ele era o recordista de vitórias no Prêmio Comunique-se – e o único a ganhar em três categorias diferentes (Âncora de Rádio, Colunista de Notícia e Âncora de TV). 
 

Em pesquisa do site Jornalistas & Cia em 2014, Boechat foi eleito o jornalista mais admirado.

 

Ainda lançou em 1998 o livro “Copacabana Palace – Um hotel e sua história” (DBA).

 

Era casado e pai de cinco filhos.

Comentários

Veja também

Facebook