Por que o juazeirinhense não deve votar em João do Milhão nem na sua esposa?

Politica

22/07/2018 às 16h27

Por que o juazeirinhense não deve votar em João do Milhão nem na sua esposa?

ESTA MATÉRIA FOI VISTA 870 VEZES

JUAZEIRINHO - O deputado Estadual, João Henrique, apelidado de João do Milhão, devido a grande riqueza que possui, avaliada em milhões de reais, que inclui diversas empresas na Paraíba, principalmente, tem um modus operandi de angariar votos baseado no toma lá da cá.

 

É simples: ele chega em uma determinada cidade e, mesmo sem ter nenhuma afinidade com aquela localidade, a peso de ouro, compra o apoio do líder local, obtém os votos e some para só reaparecer depois de quatro anos e fazer a mesma coisa.

 

É o chamado candidato copa do mundo.

 

Em Juazeirinho, fazendo uma rápida avaliação desde 2006, João do Milhão, tem obtido boas votações, mas apesar disso, nenhum benefício fez pelo município.

 

Em 2006, por exemplo, recebeu a confiança de 854 juazeirinhenses, sendo o terceiro mais votado naquela eleição.

 

Novamente sumiu para reaparecer somente em 2010 e, mesmo assim, foi o quarto deputado Estadual mais bem votado no município, com 468 sufrágios.

 

Nas eleições de 2014, aconteceu a mesma coisa.

 

Ou seja, João do Milhão, apesar de ser bem prestigiado na cidade, não destinou um único friso para Juazeirinho.

 

No entanto, em 2014, utilizando-se do mesmo modus operandi devido a sua força financeira e da política do toma lá da cá, recebeu 647 votos, ficando novamente entre os três mais votados.

 

Mas apesar de nunca ter devolvido em forma de benefícios, o carinho que recebe do povo de Juazeirinho, depois de quatro anos, João do Milhão, retorna à cidade e, de quebra, agora traz a esposa, Edna Henrique, ex-prefeita de Monteiro a tiracolo, como pré-candidata a deputada Federal, querendo que os juazeirinhenses vote nela também.

 

Cabe ao povo de Juazeirinho tomar uma decisão não muito difícil: João do Milhão e a esposa merecem realmente a nossa atenção?

 

Da redação

Comentários

Veja também

Facebook